Negro em Cena

O Negro em Cena destacou o protagonismo do negro brasileiro e a riqueza do Continente Africano. O público teve acesso à produção acadêmica em palestras e seminários, aos filmes do cineasta Joel Zito Araújo. Participou de shows e oficinas de dança afro. Conferiu exposição de fotografias e de Orixás, roda de samba, degustação da culinária quilombola, além da produção de organizações não governamentais que estiveram presentes em stands, como o Grupo Cultural AfroReggae, Estimativa, Abayomi, IPEAFRO, Incubadora Afro Brasileira, D’Guetto, Ação Comunitária do Brasil. Tivemos livraria também, com ilustres escritores autografando. Um agradecimento muito especial aos palestrantes que abriram mão de cachês, assim como alguns amigos que nos ajudaram generosamente porque a verba era curta. Agradecimento especial também ao Embaixador Alberto da Costa e Silva pelas aulas e palestra de abertura, e a Vanda Ferreira, Conselheira do projeto.

Fotos: Antônio Terra